Só há esperança no amor

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vinícius Castelli

Atemporal, imperfeito (muitas vezes), intocável e poderoso. Amor. Aquilo que fica guardado na alma. Capaz de salvar vidas, de quebrar rochas e de realizar milagres, ele chega e simplesmente acontece. Às vezes uma única vez na vida, às vezes mais. Pode acontecer de diversas formas. É sobre amor, aquele que nos move, faz sorrir e acreditar que haverá luz no dia seguinte, que a revista Dia-a-Dia se debruça nesta edição. Seja na vida pessoal ou profissional, como com a atriz e modelo Victória Strada, que vive a personagem Maria Vitória Torres Correia Guedes, na novela com temática espírita Tempo de Amar, da Globo. Aos 22 anos, ela celebra os frutos que colhe, agradece ao apoio dos pais e diz que vive um dia de cada vez. “Eu não poderia estar mais feliz com essa oportunidade, ainda mais com uma personagem tão bem escrita em uma história tão rica.”

O amor bate forte no coração dos que vivem na casa de Sheila Viana, em Santo André. Ela dedica, sem questionar e de peito aberto, seu tempo e carinho para ajudar a cuidar da mãe, Dirce, diagnosticada com Alzheimer há dez anos. “O médico disse: Alzheimer não tem cura. A cura é no amor. A forma que você tratar ela daqui para frente vai determinar como ela vai passar por essa doença’, relembra a filha, que também dá atenção ao pai, que é o responsável por ficar com Dirce na maior parte do tempo.

Letícia Rodrigues é outra que sentiu em seu coração que tinha uma missão. Foi quando decidiu empacotar suas coisas e morar na casa dos avós, em Ribeirão Pires. A ideia era ajudar sua avó, Margarida Vieira, a cuidar de seu avô, Francisco Fardin, também diagnosticado com a doença. “Antes meu avô era extrovertido, batia perna por toda São Paulo. Hoje em dia ele está quieto, quer ir embora para a casa dele mesmo já estando aqui”, conta ela.

O ator Marcos Veras também ilustra a revista. Com muito carinho, ele faz mil coisas ao mesmo tempo e se dedica à sua carreira com muita paixão. TV, rádio e ci-nema, tudo ao mesmo tempo. Ainda sobre amor e ca-rinho, já que o ano está acabando e o Natal está chegando, preparamos reportagem com especialistas dando dicas para que os lares fiquem aconchegantes para que as famílias e amigos possam aproveitar essa data tão especial.

Em tempos em que muitas pessoas sequer respeitam a faixa de pedestres, vivem no estresse absoluto, observam a vida passar e deixam que assim seja, não conseguem muitas vezes confiar umas nas outras, em que muito é descartável, até mesmo as amizades, fica na leitura desta edição a lição de que a vida, para dar certo, precisa de dedicação, carinho e, sim, muito amor. Boa leitura!

Vinícius Castelli
viniciuscastelli@dgabc.com.br
Editor interino




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2018. Todos os direitos reservados