Saiba porque o Mar Morto é o maior spa natural do mundo

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Redação

Apesar do nome sugestivo, que refere-se ao fato de a água ser tão salina que impossibilita a vida, o Mar Morto, situado na divisa entre Jordânia e Israel, no Oriente Médio, é um excelente spa natural, Isso porque ele é rico em sais minerais e ingredientes com capacidades regeneradoras e prolongados da vida. Doze deles, inclusive, existem apenas em suas águas.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Além das propriedades naturais, o Mar Morto atrai visitantes pelas proximidade com locais culturais históricos. Quem se hospeda por lá encontra resorts com ótima estrutura, sobretudo no lado da Jordânia.

LEIA MAIS: CONHEÇA TIBERÍADES, CIDADE DE ISRAEL BANHADA PELO MAR DA GALILEIA
VIAGEM PARA ISRAEL: 9 PATRIMÔNIOS HISTÓRICOS DO PAÍS

Turismo no Mar Morto

Para o turismólogo e influenciador digital Gabriel Veronese, o Mar Morto é o maior spa natural do mundo. “Com quase três milhões de anos de existência, segundo a ciência, este lugar é único no mundo. Já se sabe que os minerais encontrados por lá podem nutrir as camadas mais superficiais da pele, melhorar a elasticidade e a tonalidade, além de remover toxinas, promovendo efeito anti-envelhecimento.”

O profissional destaca que, por conta da alta taxa de salinidade encontrada tanto nas águas quanto na lama do lago oriental, os tratamentos feitos à base desses sais têm ação cicatrizante, anti-inflamatória e antisséptica. “Por isso, eles garantem a redução das temidas espinhas”, salienta Gabriel.

Benefícios da Mar Morto

As águas do Mar Morto são compostas de 34% de minerais. Isso significa 10 vezes mais do que qualquer outro mar ou lago, proporcionando muitos benefícios para a saúde e a pele.

“Situado a 430 metros abaixo do nível do mar, mesmo absorvendo as areias do deserto e exposto a um clima tão seco, o Mar Morto é epicentro de pesquisas e conhecido como ‘o maior e mais natural destino spa do mundo’”, conta Gabriel.

A importância do mar Morto para a estética é tão grande que existe toda uma indústria da beleza associada às propriedades das águas e da lama local. “No Brasil, existem diversos produtos que são formulados a partir das pesquisas e descobertas realizadas em Israel. O país é o lar de diversos cientistas brilhantes, ganhadores do prêmio Nobel e pesquisadores reconhecidos”, conta o influenciador.

50 lugares para conhecer na Ásia

Com opções de destinos que incluem algumas das maravilhas do mundo moderno, o continente asiático é, sem dúvida, um local que reserva muitas surpresas e encantos. Para te ajudar a escolher o próximo destino, o Rota de Férias selecionou alguns lugares para conhecer na Ásia.

  • Crédito: Pixabay
    Ilhas Phi Phi, Tailândia
  • Crédito: Pixabay
    Angkor Wat, Cambodja
  • Crédito: Pixabay
    Taj Mahal, Índia
  • Ein Gedi, Israel
  • Crédito: Pixabay
    Muralha da China, China
  • Crédito: Pixabay
    Dunas de Mui Ne, Vietnã
  • Crédito: Pixabay
    Jardins da Baía, Cingapura
  • Crédito: Visualhunt
    Arquipélago Mergui, Myanmar
  • Crédito: Pixabay
    Wat Rong Khun, Tailândia
  • Crédito: Pixabay
    Wat Phra que Doi Suthep, Tailândia
  • Crédito: Pixabay
    Cidade Proibida, China
  • Crédito: Pixabay
    Marina Bay Sands, Singapura
  • Crédito: Pixabay
    Boracay, Filipinas
  • Crédito: Visual Hunt
    Sapa, Vietnã
  • Crédito: Pixabay
    Vale Timna, Israel
  • Crédito: Pixabay
    Phú Qu?c, Vietnã
  • Wat Arun, Tailândia
  • Bund, China
  • Crédito: Pixabay
    Templo do Pavilhão Dourado, Japão
  • Crédito: Pixabay
    Lotte World Tower, Coreia do Sul
  • Crédito: Pixabay
    Forte Vermelho, Índia
  • Crédito: Pixabay
    Bagan, Myanmar
  • Crédito: Pixabay
    Grutas Batu, Malásia
  • Crédito: Pixabay
    Nova Delhi, Índia
  • Crédito: Pixabay
    Mar da Galileia, Israel
  • Crédito: Pixabay
    Victoria Peak, China
  • Crédito: Pixabay
    Castelo de Osaka, Japão
  • Crédito: Pixabay
    Forte de Amber, Índia
  • Praia de Railay, Tailândia
  • Crédito: Pixabay
    Templo do Céu, China
  • Parque Nacional de Komodo, Indonésia
  • Hawa Mahal, Índia
  • Crédito: Pixabay
    Massada, Israel
  • Jaigarh Fort, India
  • Templo de Akshardham, Índia
  • Crédito: Pixabay
    Petronas Twin Towers, Malásia
  • Crédito: Pixabay
    Borobudur, Indonésia
  • Crédito: Pixabay
    Wat Chedi Luang, Tailândia
  • Crédito: Pixabay
    Túmulo de Humaium, Índia
  • Bali, Indonésia
  • Crédito: Pixabay
    Luang Prabang, Laos
  • Crédito: Pixabay
    Muro das Lamentações, Jerusalém
  • Crédito: Pixabay
    Tóquio, Japão
  • Crédito: Pixabay
    Ilhas Maldivas, Maldivas
  • Crédito: Pixabay
    Abu Dhabi, Emiratos Árabes Unidos
  • Dolly Beach, Ilha Christmas
  • Crédito: Pixabay
    Mosteiro de Takshang, Butão
  • Ruínas de São Paulo, Macau
  • Crédito: Pixabay
    Doha, Catar
  • Crédito: Pixabay
    Dubai, Emiratos Árabes Unidos

 




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2020. Todos os direitos reservados